quarta-feira, agosto 8

A estação mais tola...


Preparava-me para escrever aqui qualquer coisa sobre a lei-seca que o Estado Indiano impõe aos cidadãos por altura das eleições, supostamente para que não haja rixas públicas por causa de discussões políticas, quando encontro no Público de ontem esta maravilha da autoridade estatal mundial.
Se eu fosse Deus não me ficava, levavam já com um terremoto ou com o cancelamento dos jogos olímpicos a ver se aprendiam.

5 comentários:

Escravisauro disse...

Haja, man, é haja!!!

Manuel Padilha disse...

thanks

Comboio Azul disse...

Haja paciência para esta polícia da gramática.

O Escravisauro disse...

Era só uma brincadeira em relação a esta questão do plural do verbo haver que, como sabe, já fez correr muita tinta. O visado cortesmente agradeceu. Mas como vejo que incomoda sua Comboiada sobremaneira, prometo não recorrer da diatribe. Peço desculpa pelo desgaste ocorrido em sua magnânime paciência.

Comboio Azul disse...

Muito me apraz em confirmar que o camarada possui sentido de humor. Entristece-me, no entanto, verificar que não tenha também discernimento para se aperceber que também eu escrevi em tom jocoso. Prometo, para não atrapalhar a sua sagacidade, de futuro passar a utilizar os :) e ;) correntes neste meio de comunicação.